Especial: assista ao processo de construção do carro de Piquet Jr para o Global Rallycross

A Ford conquistou o título de fabricantes no Global Rallycross 2014. Com dois programas de preparação no circuito, Hoonigan e OMSE, a fabricante norte-americana garantiu o título para o modelo Fiesta ST. O Hoonigan se restringe a Ken Block. Já os demais Fiestas são preparados pela OMSE. Entre estes, o pilotado por Nelson Piquet Jr.

Preparação talvez não seja nem o termo mais apropriado. Quando a questão são os carros do GRC, reengenharia é a descrição apropriada para o longo e laborioso processo. Afinal, são 400 horas de trabalho. E por fim o resultado é um monstro, com potencia na faixa dos 600 cavalos. Algo como um lobo em pele de cordeiro, que lembra o Fiesta de rua.

E no caso da OMSE, tudo começa longe dos Estados Unidos. Do outro lado do Atlântico, na pequena cidade de Nynashamn, Suécia. Lá se localiza a sede da Olsbergs MSE. Ou, simplesmente, OMSE.

A empresa é conduzida pelo ex-piloto de rally, Andreas Eriksson. E onde trabalham 46 funcionários. E trabalham duro. Às vezes, de modo incessante. O que explica a presença de apartamentos na fábrica, e até um restaurante.

Visitar o interior de uma fábrica de carros de corrida, para os fãs, é como visitar uma fábrica de foguetes. Ou algo parecido. Semelhança que se estende até o nível de segredo que rodeia estes estabelecimentos.

Mas agora, as portas da OMSE estão completamente abertas. Então, aperte “play” e aproveite o passeio pela OMSE.

Close Menu
error: Content is protected !!
× Como posso te ajudar?